quinta-feira, 3 de maio de 2012

Fazendo a Residência no Comune

...Continuando o post anterior, chegamos a Lucca na sexta-feira à noite, então na segunda-feira bem cedo fomos com o senhor que nos aluga o imóvel e também reside lá (ele tem autorização para sublocação e me mostrou) até a Agenzia dell'Entrate. Neste local fizemos o nosso Codice Fiscale (igual ao CPF no Brasil, e sim, qualquer estrangeiro pode fazer, é só levar o passaporte e informar o endereço em que está residindo), somente com este Codice Fiscale que você poderá fazer a residência no Comune. Feito isso registramos o contrato de aluguel, (segundo o senhor que nos alugou o quarto, aqui na Itália existe uma lei anti-máfia, por conta desta lei é necessário registrar o contrato de aluguel na Agenzia dell'Entrate e levar a Cessione di Fabbricato na Questura, o governo deve saber onde todos estão...rsrs).

Taxas para registro pagas, codice fiscale na mão e documentos em ordem, vamos agora para o Comune. Somente na quarta-feira conseguimos ir ao Comune, por conta do feriado de terça-feira (1 de maio). O senhor que nos alugou o apartamento foi junto, que bom, porque se não fosse ele ainda estaríamos lá esperando. Chegamos bem cedo, primeiros da fila, mas a mulher que nos atendeu disse que uma outra pessoa deveria conferir nossos documentos para a prática de cidadania antes de fazermos a residência, mas que a pessoa só chegava às 10h (isso ocorreu às 08:45). Chegamos a aguardar a pessoa, que ninguém sabia se realmente viria. Isto não estava correto, pois segundo as orientações baixadas do próprio site do Comune de Lucca deveríamos fazer a residência e depois, antes de protocolar os documentos, seria recomendável (ou seja, não obrigatório) conferir se está tudo completo. O senhor que estava conosco foi falar (lê-se discutir...rsrs) com a mulher, que acabou nos atendendo imediatamente.

Para fazer a residência levamos Contrato de aluguel registrado, Cessione di Fabbricato carimbada na Questura, Codice Fiscale, Passaporte com o visto de turista com validade de 3 meses, mas a mulher nem olhou pro contrato e pra Cessione di Fabbricato, foi só o senhor dizer que estávamos com ele e pronto, hahahaha. Aqui na Itália percebe-se que ainda existe muito a questão da palavra sabe, o que no Brasil pra qualquer coisa quase pedem a marca da sua cueca ou calcinha, depende do caso, rsrs. 

No caso de estar hospedado em casa de amigo/parente, deve levar a Dichiarazione d'Ospitalità, a Cessione di Fabbricato, cópia da Carta d'Identità da pessoa que te hospeda, Codice Fiscale e Passaporte com visto de turista com validade de 3 meses [e se possível convide a pessoa que te hospeda para ir junto com você :)]. 

Residência feita, agora devemos esperar que o Vigile (guarda) passe para confirmar que moramos realmente aqui. Também acrescentei nosso sobrenome nas campainhas e caixa de correio, para ele ter certeza que moramos aqui. A funcionária que nos atendeu disse que pode levar até um mês para ele passar e se ele passar e nós não estivermos em casa demora mais.  Ou seja, estamos de castigo até ele passar. Com a residência confirmada pegamos nosso certificado de residência e levamos os documentos para protocolar. Mas isso é um assunto pra um outro post...

Informações extras:

1: IMPORTANTÍSSIMO: falar bem italiano, ler e imprimir as orientações e legislações para não ficar aceitando qualquer coisa que eles dizem. São confusos, nem a mulher sabia direito como fazia a residência pois ela mesma nunca tinha feito.

2: Aqui na europa existe o acordo Schengen, é um acordo de livre circulação entre os países, portanto se você fizer a imigração em qualquer país pertencente a este acordo, quando chegar na Itália não vão carimbar seu passaporte novamente, então você deverá se dirigir a Questura em um prazo de 8 dias para declarar que está aqui na Itália. Nesse caso junto aos documentos já citados para residência deverá levar esta declaração, sem ela não vão fazer sua residência. 

3: Principais países pertencentes ao acordo Schengen: Alemanha, França, Itália, Portugal, Espanha, Bélgica, Áustria, Dinamarca, Finlândia, Noruega, Suécia, Suíça, Islândia, Luxemburgo, Países Baixos. Não, a Inglaterra e a Irlanda não fazem parte, portanto vôo vindo direto do Brasil ou com escala na Inglaterra ou Irlanda não é preciso fazer a Declaração de Presença.

Nossa, esse post ficou longo...Sorry!
Com relação à Cidadania, aguardem os próximos capítulos da nossa história, a seguir teremos um pouco de turismo!

Bacio!!
Ciao!

14 comentários:

  1. Alice, parabéns pelo trabalho honesto e corajoso. Muito digno de sua parte ajudar quem esta em busca de esclarecimentos. Continue com este trabalho nos ajudando. Grazie, siamo tutti italiani.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem? Muito obrigada pelas suas palavras. Desculpe a demora para publicar seu comentário, mas não recebi do blog o aviso de comentário por e-mail. Assim que eu tiver novidades sobre o processo eu posto no blog!!

      Abraços!

      Excluir
  2. Olá,
    Sou um leitor anônimo do seu blog :D
    Por acaso você sabe se com essa nova circular sobre a residência ainda é necessário registrar um contrato de aluguel ou pode ser algo mais informal?

    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá anônimo, essa circular trata apenas dos prazos do processo de residência, o restante continua igual, contrato ou carta d'ospitalità.

      Abraços.

      Excluir
  3. Olá, sou estudante do programa ciências sem fronteiras e atualmente estudo em Pisa, aluguei um apartamento juntamente com 3 colegas através da imobiliária e fiz o pedido do permesso para estudos valido por 1 ano..(por enquanto tenho só a ricevuta carimbada na questura).Você saberia me dizer se preciso pedir para a imobiliária a Cessione di Fabbricato? também procurei mas infelizmente não encontrei aqui em Pisa um modelo padrão do formulário para o pedido da cidadania.

    Desde já agradeço a atenção.

    Att. Samuel Guerra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Samuel, a Cessione di Fabbricato é responsabilidade do proprietário, não se preocupe, com certeza a imobiliária ou o proprietário já providenciaram.... Normalmente é o comune que vai te fornecer i formulário padrão deles, já procurou no site do comune. O seu contrato de aluguel permite a residência???

      Abraços

      Excluir
    2. Olá,ahh que bom, procurei no site do comune de Pisa mas só tem os módulos do formulário para cidadania por tempo ou por casamento, dai mandei um email perguntando se existe um formulário para cidadania ius sanguinis, ainda não responderam... não sabia que o contrato poderia não permitir o pedido de residência, o que deve estar escrito para eu saber isso?

      Muito obrigado pela ajuda

      Abraço

      Att. Samuel Guerra

      Excluir
    3. Olá Samuel, normalmente é o tempo de contrato, mas não sei, melgor perguntar na agência ou pro proprietário!!

      Abraços

      Excluir
  4. Olá, por acaso vc tem contato com alguém em Lucca que posso alugar o apartamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gioanni, tenho sim, me mande um e-mail que te passo.

      Abraço

      Excluir
    2. Olá Alice, eu, meu marido e mina irmã estamos indo em dezembro pra Itália. Achei o seu blog, o mais completo para quem quer fazer sozinho. Vi que vc disse que tem indicação de pessoas que alugam. Pode me passar tbm? meu email é ana.artuso@gmail.com
      Nós considereamos morar em qualquer região que consigamos alugar.
      Muito obrigada...
      Ana

      Excluir
    3. Olá Alice, eu, meu marido e mina irmã estamos indo em dezembro pra Itália. Achei o seu blog, o mais completo para quem quer fazer sozinho. Vi que vc disse que tem indicação de pessoas que alugam. Pode me passar tbm? meu email é ana.artuso@gmail.com
      Nós considereamos morar em qualquer região que consigamos alugar.
      Muito obrigada...
      Ana

      Excluir
  5. Olá Alice, estou com agendamento para legalização dos meus documentos e pensando em qual comune devo ir para reconhecimento de cidadania. Quanto tempo demorou para confirmarem sua residencia em Lucca? Tens informação de algum outro comune que seja rápido?

    Abs, Juliane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Juliane, a minha residência confirmou rápido, mas isso foi em 2012, conheço pessoas que fizeram depois de mim que o vigile não passou e então tiveram que esperar todo o prazo de 45 dias pra poder levar os documentos. Um amigo está fazendo em Parma e aqui a sua residência confirmou em 2 semanas, mas o processo ainda não acabou.

      Abraços

      Excluir