sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Balanço financeiro final: vale a pena fazer sozinho?

Olá pessoal, esse deve ser o post mais esperado por todos que estão quebrando a cabeça pra decidir se vale a pena ou não pagar um consultor. Vocês viram que nós conseguimos fazer o processo sozinhos sem muitos problemas e que durou 5 meses (lembrando que pegamos um mês de férias da funcionária). Agora vocês devem estar pensando quanto nós gastamos com tudo isso, certo?

Aqui vai:

Observações importantes: os únicos valores fixos nesta tabela são os diretamente relacionados com a cidadania italiana, ou seja, do protocolo para pedido de cidadania até a Carta D'Identità; gastos relacionados ao contrato de aluguel, contas de consumo, registro de contrato etc, vão depender do tipo de acordo que você terá com a pessoa que vai te hospedar ou alugar um quarto ou apartamento pra você; não acho que pagamos pouco de aluguel, muito pelo contrário, mas pelo menos não dividimos uma casa com 6 pessoas; sempre que nas observações estiver escrito "valor para duas pessoas", dividir o valor por 2; o valor do consultor foi baseado nos orçamentos que nós fizemos com um consultor que te hospeda até o final do processo, não importa quanto tempo dure, sem pagar a mais por isso. Pelo que me contam não foge muito disso ai não o preço e tem muito consultor que te hospeda só até a residência ser confirmada, portanto ATENÇÃO.

Como vocês podem ver, é bem caro vir pra Itália fazer o processo de cidadania e para nós, que somos dois, sairia mais caro ainda se tivéssemos contratado um consultor. O que vai fazer a diferença no seu processo vai ser o valor que vai pagar de aluguel e contas de consumo, pois como disse, os gastos diretamente relacionados a cidadania italiana são fixos. Nós só viemos pois meu marido tem a possibilidade de trabalhar à distância, então somente eu que tive que sair do emprego. Mas no final das contas tivemos sorte, pois acabei arrumando um emprego aqui.

Pra quem tá começando o processo ou tá decidindo se paga ou não um consultor, eu espero ter conseguido esclarecer algumas dúvidas e ter ajudado a tornar esta decisão mais tranquila.

In bocca al lupo!!

125 comentários:

  1. Oi Alice,

    Show de bola sua planilha, muito bem elaborada!!!

    No meu caso, mesmo eu sabendo muito bem italiano, acredito que o meu maior "medo,receio" seja a primeira etapa do processo = conseguir a moradia. Sim, pq estou no Brasil, procurando pela internet, sem se quer ao menos conhecer a pessoa do outro lado da tela que está negociando o imóvel !!!! Isso me gera uma certa "estranheza"...
    Tirado este fato, acredito que eu conseguiria me virar muito bem no decorrer do processo...


    Eu estou estudando uma proposta de assessoria muito atrativa, que acredito que no meu caso vale a pena! vou contar-lhe: ELA (pessoa de cidade proxima a minha que está na Itália agora, já realizou mais de 150 processo de cidadania e trabalha com isto desde 2006) quer 1300 Euros para fazer o processo + 300 Euros de aluguel ao mês(já com todas as taxas inclusas). Aí terei que pagar além disto, é claro, os valores com os documentos italianos +- 250 Euros.

    Acredito que no final de tudo, terei que escolher ela para cuidar do meu processo, assim terei um pouco mais de tranquilidade e comodidade! e também tendo em vista que o valor está super abaixo do que os outros consultores pedem....

    Abraço e sucesso!

    Mauricio D.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maurício, o valor está baixo porque você vai pagar o aluguel a parte, o custo final seria os 1300 euros mais o total gasto com aluguel, se o processo for rápido, bom pra vc, se demorar dai já pesa. Já que você fala italiano, ela não faria só aluguel pra vc? Eu encontrei um lugar pra morar via internet e sem conhecer a pessoa do outro lado, realmente é estranho e dá um certo medo. Depois conversamos por telefone. Precisa tomar algumas precauções para não cair em golpes, como não enviar dinheiro antecipado por exemplo.

      Mas é você que tem que fazer suas contas e decidir o que é melhor pra você. Na minha opinião os consultores ainda estão muito presentes na cidadania italiana principalmente pela dificuldade de conseguir um lugar pra morar e acabam abusando no preço.

      Boa sorte na sua decisão e nos atualize sobre seu processo!!!

      Abraços,

      Alice Sabatino

      Excluir
    2. Alice, parabéns pela iniciativa e pela conquista. Suas informações são preciosas! Minha esposa está buscando a cidadania que tem direito mas ainda não se decidiu se fará por conta própria ou através de consultores. Obrigado por mostrar o caminho das pedras!

      Aproveitando o espaço, Mauricio, você pode indicar essa pessoa que está oferecendo serviços para você? É de confiança? Você conhece alguém que tenha feito com ela? Se puder, encaminhe para o email simone.lais@gmail.com

      Grato a vocês!
      Tiago

      Excluir
    3. Olá Tiago, fico feliz que o blog esteja sendo útil para ela tomar esta decisão tão importante e conseguir realizar o sonho de ter a cidadania reconhecida!!

      Boa sorte!!

      Abraços,

      Alice Sabatino

      Excluir
    4. Maurício! Poderia passar o contato da sua assessora? Obrigada! Melissa

      Excluir
    5. Ola Mauricio, vc poderia me passar o contato da sua assessora por favor? Obrigada, Andrea (andreapavin@hotmail.com)

      Excluir
    6. Boa tarde. Poderia me inficar essa assessora. O preço é muito bom! Ela é de confianca? Meu email é fernandoya2012@hotmail.com


      Agradeço

      Excluir
  2. Oi Alice, tudo bem? Parabens e obrigado pelo blog, quantas dicas boas, excelente mesmo, ringrazio! Estou morando em Pisa, estudando na Università di Pisa com uma bolsa de estudos. Achei no Brasil a certidao de obito e de casamento do meu antenato, nao tenho a certidao de nascimento. Tanto no obito quanto no casamento consta que ele é italiano, mas nao consta em que cidade ele nasceu. Preciso da certidao de nascimento ou de batismo para conseguir a cidadania? E essencial para o processo? Grazie!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, a certidão de nascimento ou batismo é o principal documento do processo. Na certidão de casamento e óbito não consta nem a província? A sua família não conta nenhuma história sobre as origens do seu antenato? Se você for de São Paulo, já pesquisou no memorial do imigrante informações? Não desista não.

      Abraços.

      Excluir
    2. Ola Alice, que bom que respondeu! Em nenhuma das certidoes consta cidade ou provincia, so consta que e italiano... Os mais velhos diziam que o antenato era de Padova, mas pesquisei na lista de Leva Militar de Padova e nada, ate mandei email pra eles... Alias, nao encontro o sobrenome em lugar nenhum, FONTABELLA, em alguns documentos FONTABELLI, ja leu um sobrenome parecido? No Memorial do Imigrante achei a matricula do meu antenato na Hospedaria do Imigrante, mas nao achei a Lista de Bordo do navio em que ele chegou, sera que na Lista de Bordo anotavam a cidade de origem dos passageiros ou apenas a nacionalidade? Nao vou desistir nao, hehehe, podemos continuar conversando? Abbraccio!

      Excluir
    3. Olá Paulo, se o seu antenato casou no Brasil, provavelmente ele saiu criança da Itália com os pais. Se veio criança não achará nada na Leva Militar. Já tentou enviar e-mail ou carta ao Comune de Padova com os dados de nascimentos? Outra coisa, às vezes ele veio da província de Padova, mas de algum Comune pequeno. Você pesquisou neste site a certidão de desembarque?: http://www.arquivoestado.sp.gov.br/memoriaimigrante/pesquisa.php

      Não sei, acho que anotavam o porto de embarque só na Lista de Bordo...

      Podemos continuar conversando sim!! Se tiver alguma dúvida é só perguntar!!

      Abraços!!

      Excluir
  3. Oi Alice, ja encontrei a entrada dele no Brasil, junto com o pai, meu tetravo, no Museu da Imigraçao, hoje fiz o pedido da certidao de inteiro teor do casamento do meu trisavo, meu antenato, com minha trisavo, ambos italianos, se casaram no Brasil. Na verdade um parente meu providenciou isso la no Brasil, a certidao e enorme e ninguem consegue entender diretio o que esta escrito, espero que la conste a cidade em que ele nasceu, ele chegou ao Brasil com 20 anos segundo a anotaçao que eu consegui no Museu da Imigraçao, deveria constar na Leva, nem o pai dele esta na Leva Militar, e nunca achei nada com esse sobrenome, FONTABELLA, porem na certidao de obito do meu tetravo italiano e do seu filho, meu trisavo italiano, consta que ambos nasceram na Italia, mas nao especifica a comune, vamos esperar que essa certidao de inteiro teor do casamento me ajude...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boas notícias então. Mas se não tiver informação tente entrar em contato com os outros Comuni da província de Padova.

      Boa sorte!!

      Abraços,

      Alice Sabatino

      Excluir
  4. Alice, preciso da CERTIDAO DE INTEIRO TEOR DE NASCIMENTO, CASAMENTO E OBITO de todos os ascendentes entre meu ANTENATO e eu? Por exemplo, meu TRISAVO italiano casou-se com minha trisavo que tambem era italiana no Brasil, casaram no Brasil, essa certidao eu tenho, tenho o obito de ambos tambem, mas nao tenho a certidao de nascimento, pois eram italianos e nao sei de que comune eram, como a mulher nao "passa" a cidadania (nesse caso nao passa pois isso foi antes de 1948), eu teria direito pelo meu trisavo, posso apresentar a certidao de nascimento so dele? Ja esta dificil achar a dele, imagina da minha trisavo, tambem italiana, que tambem nao sei a comune de origem... no caso a cidadania vem pelo lado DO MEU TRISAVO, DEPOIS DO BISAVO, DEPOIS DA MINHA AVO, que nasceu ANTES de 1948, depois minha MAE, que nasceu DEPOIS DE 1948, nesse caso, como vem pelo lado da mae, tem algum impedimento? E, alem disso, preciso da certidao de nascimento DA MINHA TRISAVO, DA BISAVO, DO AVO E DO MEU PAI? A cidadania nao vem por eles entende, preciso apresentar nascimento deles tambem ou so casamento e obito no caso deles que nao sao os descendentes? Quanta pergunta, grato pela paciencia!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, é necessário somente as certidões das pessoas que fazem parte da linha de ascendência, no seu caso: nascimento, casamento e morte do trisavô, nascimento, casamento e morte do bisavô, nascimento, casamento e morte (se for o caso) da avó, nascimento e casamento da mãe e nascimento seu. No seu caso, como a sua avó teve sua mãe depois de 1948 não tem nenhum impedimento, se sua mãe tivesse nascido antes de 1948 você não teria direito.

      Abraços,

      Alice

      Excluir
  5. Alice, parabéns mesmo pela iniciativa! Pelo último comentário no post, tive uma dúvida. Meu tio fez a cidadania através do sobrenome da minha avó- Tofóli. Mas meu pai, irmão desse tio nasceu em 1946. Eu não tenho direito a cidadania?? Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mônica, segundo a lei italiana, infelizmente você não tem direito a cidadania italiana porque o seu pai, por ter nascido antes de 1948 não tem direito. Para a lei italiana a mãe dele não era italiana antes de 1948, então não teria como passar uma cidadania que não tem. Existem advogados que entram com processo junto ao TAR em Roma e muitos têm tido sucesso. Tem um advogado que faz o processo e as pessoas do grupo de e-mail que participo sobre cidadania e genealogia, dizem que ele é confiável e muito bom, se quiser dar uma checada: http://www.luigipaiano.com/
      Mas te aviso que eu não o conheço, só passo a informação que me disseram.

      Abraços,

      Alice Sabatino

      Excluir
    2. Alice, parabéns pelas suas dicas. Pena q não acompanhei um Blog assim no início do Ano.Quero reportar ao comantário do MAURICIO em 20/10/2012, quanto a uma Assessoria. Entao, eu estou na Itália fazendo o Reconhecimento da minha Cidadania. Penso q a pessoa q o Maurício se refere é a mesma com a qual estou fazendo. Imagino, pelo perfil q ele passou. Enfim, percebi q a Alice foi muito Feliz no seu Processo, mesmo demorando um pouco, mas correu tudo bem. No meu caso, com base na experiencia de um amigo, optei pela Assessoria. Este amigo, veio c/ a esposa e a filha passar uns 2 meses na Itália em 2008. Pois bem, como no meu caso, o Trisavô era Italiano. A linha sucessória dele vem do Trisavô Italiano, Bisavô Bras e Avó Brasileira. Enfim, por sorte, a mãe dele nasceu no dia 07/02/48 e a minha, pra maior sorte ainda, nasceu dia 04/01/48. Escapei por 4 dias. Assim, este amigo, estando aqui na Itália, conseguiu residencia e permisso, então, pediu a família pra providenciar os doctos no Brasil. Isto tudo começou em Março/2008. Então, a Mãe dele, pessoa muito simples, mas conseguiu providenciar tudo em tempo Record. Entregou a um suposto agente em Maringá, q simplesmente mandou traduzir, o q custou 528,00 e cobrou dela 2 mil. Entao, entregou de volta e pediu q ela fosse ao Consulado de Curitiba. A coitada, foi no Consulado Legalizar, nunca o cara falou nada sobre Agendamento. Imaginem o quanto ela foi humilhada no Consulado de Ctba. Enfim, foram tentando agendar, mas somente em Agosto/2009, fiquei sabendo da situação dele. A irmã dele tentava agendar no hor cial e nunca conseguia. Quando eu soube, fiz 1 tentativa no Feriado de 15/11/2009. Consegui na primeira pra eles. Agendado para Dez/2011 (2 anos). Dez/2011 fui c/ a Mãe dele no Consulado, pra certificar q tudo daria certo. Fui como sobrinho dela, ajudando ela na locomoção, porque ela "tem" labirintite....Continua...

      Excluir
  6. II Continua... Ainda bem q eu fui junto, porque a mulher disse q as Certidões tinham mais que 2 anos e não poderia aceitar. Se ela estivesse sozinha, teria ido embora e perdido o agendamento de 2 anos. Enfim, questionei a mulher, disse a ela q no Site fala q o Agendamento deve ser feito após toda documentação estar pronta. O único documento q não pode ser superior a 90 dias é a Certidão P Federal. Enfim, ela viu q eu tinha razão e aceitou as certidões. Pois bem, após 20 dias fui eu mesmo pegar e conferir tudo. Mandei pelos correios no mesmo dia. Chegando em Jan/2012 na Itália. Ele pegou e partiu pra o Comune. Disseram q estava tudo Ok. 45 dias após, recebeu uma carta do Comune pedindo tudo em INTEIRO TEOR, devidamente traduzida e legalizada, no prazo de 30 dias (só DEUS conseguiria). Pois bem, providenciei pra ele em tempo Record. Mas veio a luta do agendamento. O comune dizia q ñ precisa agendar, eu ia no Consulado eles diziam q somente mediante agendamento. O Comune dizia q assim q o Consulado recebesse a cópia da Carta, aceitariam s/ agendar (eu apresentei a carta no Consulado). Enfim, fui tentando agendar, naquele esquema de 19 hs do Brasil. Um belo dia, entrei 20 min antes com o ID dele, o agendamento estava feito (sorte que eu resolvi olhar antes). Ele conseguiu mais 60 dias c/ o Comune e dia 04/07 entreguei no Consulado tudo em Inteiro Teor (imagine o novo Gasto). Peguei no dia 02/08 e coloquei imediatamente nos correios. Ele recebeu e levou ao Comune. O Comune olhou e disse q estava tudo OK. Passados 30 dias ele voltou ao Comune, q informou ao mesmo q as Certidões teriam q ser Retificadas. Ele quase enfartou. Ele procurou uma Assessoria (na verdade um Advogado), pagou 600 euros, o cidadão foi no Comune e voltou c/ a informação q estava resolvido, não seria necessário Retificar nenhum documento... Continua III...

    ResponderExcluir
  7. Continua III... Passados 65 dias da entrega (17/08), agora dia 22/10, ele foi ao Comune e eles disseram que ainda não tem reposta, q o Processo dele está correndo (penso que processo correndo leia-se aguardando a Non Rinuncia, no caso dele, igual ao meu, Ctba e S Paulo). Em resumo (já falei muito), eu vinha estudando como faria meu Processo. Desde o início tudo programado pra fazer lá onde ele está, afinal, ele já fala Italiano, pode me dar residência, etc. Mas eu já providenciei tudo, fui consultado as pessoas, todos diziam pra fugir do Comune dele, etc. Acabei optando pela Assessoria. Estou na Itália, cheguei dia 29/10, dia 30 iniciamos o Processo. No dia 31/10 foi entregue ao Vigile pra fazer a confirmação da Residência. 01/11 foi feriado, agora estou aguardando ele passar, neste eterna angústia. Mas enfim, fui muito bem recebido aqui, a Sra é super gente boa, estou num Apto sozinho. O rapaz q estava aqui foi embora no dia anterior e aqui somente comporta 2 pessoas. Mas este ano ela vai terminar o meu processo e de mais 3 pessoas que estão em outra casa, ai vai de Férias ao Brasil. Vou gastar um pouco mais q o Mauricio mencionou, só que incluindo todo o Processo, 30 dias de aluguel, um apoio espetacular por parte dela, etc. Eu recomendo. Apesar q eu estou ainda caminhando, mas c/ base no caso do amigo q contei, bem como de pessoas q indicaram o trabalho dela, eu estou muito confiante q tudo correrá bem. Conheço 6 pessoas q fizeram o Processo c/ ela. Se este amigo tivesse seguido meu conselho, seria Cidadão Italiano desde Fev/2012, não precisaria gastar o valor integral, porque ele já mora na Itália, viria somente pra aguardar o Vigile passar e voltar depois pra pegar a Certidão e Identidade. Enfim, não sei se falamos da mesma Assessoria, mas no meu caso q não conheço nada aqui, não falo Italiano e muito pouco Inglês, sei q ñ seria fácil, independente do Comune. Desejo sucesso e volto a parabenizar a ALICE pelas dicas, independente da Assessoria ou não, partilhar o conhecimento é igual Mastercard - NÃO TEM PREÇO... Parabéns ALICE. Abçs a todos. Sou Paulo Henrique, no momento na Itália, mas sou natural do Paraná e moro em S Paulo. Em breve, tenho certeza, serei Italo-Brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paulo Henrique voce pode me passar algum contato da assessora? claricedebrito@hotmail.com
      Obrigada

      Excluir
    2. Boa noite! Poderia me passar o contato dessa sua assessoria?
      Tks
      castroroseane@hotmail.com

      Excluir
  8. Depois que terminar meu Processo, volto a publicar neste Blog. Ok. Abcs a todos. Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
  9. Se alguem desejar partilhar informações, estou a disposição. Já estou descolado no assunto, afinal, ajudando este amigo, foi literalmente uma LIÇÃO DE CIDADANIA.!!! Mas valeu a pena, estou torcendo que agora ele consiga. Eu também claro. Não posso esperar aqui na Itália, consegui apenas os 30 dias de Férias, mas peço o passaporte no Brasil e quando voltar a Itália tiro meu RG Italiano. Grato. Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, nossa que história a do seu amigo né... infelizmente 2008 foi um ano agitado e pelo visto o seu amigo não sabia muito bem sobre a cidadania, ou não se informou no consulado e no Comune ou eles não tinham informações na época. Mas a vida é assim, se possível podemos aprender com o erro dos outros também... Boa sorte no seu processo. Você, que tem prazo curto pra voltar e nenhum contato para fazer uma procuração, talvez seja melhor pagar assessor mesmo. Por isso que eu falei, cada um deve analisar a situação que se encaixa melhor na sua vida e bola pra frente!

      Escreva contando as novidades!!

      Abraços,

      Alice

      Excluir
    2. Alice, obrigado por responder. Estou encerrando mais 1 dia na espera pelo Vigile, que não passou. Mas amanhã é um novo dia e ele vai passar logo cedo, tenho certeza. Qualquer novidade vou divulgando. Abs. Paulo Henrique.

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jonathan, eu fiz o processo no Comune di Lucca e nós fomos muito bem tratados sim, a funcionária foi muito prestativa e entendi muito bem do processo.

      Abraços

      Excluir
  11. Alice, minha residencia foi confirmada na Sexta (09/11). O Vigile apenas passou na quinta (08/11), eu estava na porta, ele olhou no Inerfone, viu o nome e foi embora. Fiquei super preocupado. Na sexta, minha Assessora ligou avisando que ele entregou a Confirmação da Residencia no Comune. Nem falei com o Vigile, apenas vi a Cara dele porque eu estava no meu "Plantão" na Porta do Prédio. Rssss... Abraços... Paulo Henrique...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, ele nem entrou pra ver a casa?? que sorte!hahaha.

      Parabéns e boa sorte!!

      Excluir
  12. A Sra do Comune disse que provavelmente ele não visitaria a casa porque esteve a poucos dias nela por conta de outra pessoa fazendo o Processo de Reconhecimento. Mesmo assim, fiquei no Plantão das 8 as 20 hs diariamente. Hoje entregamos os documentos no Comune com o Pedido de Reconhecimento da Cidadania. Agora, esperar e deixar correr, tentar antecipar minha volto ao Brasil e aguardar a NR e posteriormente o envio da Certidão de nascimento pela Assessora. Olha, meu maior desejo era assinar a retirada da Certidão pessoalmente, mas não tenho condições, do ponto de vista profissional, de permanecer aqui por mais 45 a 50 dias aqui. Mas correndo tudo bem é o que importa. No meu Retorno e Itália, em breve, venho aqui, tiro a Foto Oficial no Comune, etc. Já fiquei chegado da Sra do Comune, apesar de não falar nada em Italiano. Rsss... Mas sigo aquele principio onde um SORRISO abre muitas Portas. Além do sorriso, aquelas palavrinhas mágicas que entendemos em qualquer idioma: Por gentileza, por favor, muito agradecido, etc... Enfim, agora é esperar.!!! Obrigado pelo apoio e atenção... Abraços, Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
  13. Paulo Henrique, Notícia Boa. Agora é esperar a Non Rinuncia. Pensamento Positivo que logo ela chega. em breve estarei fazendo o mesmo caminho.Grande Abraço. Fabiano Sabattine, Uberlândia-MG.

    ResponderExcluir
  14. Valeu Fabiano. Vc é parente da Alice !!! o Sobrenome é bem semelhante. Abs, Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parabéns Paulo Henrique!! Agora é só esperar mais um pouco. Depois você vai voltar pra Itália pra buscar tudo ou com a procuração a consultora te envia a certidão de nascimento e o certificado de cidadania pro Brasil??

      Eu reparei que o sobrenome é bem semelhante mesmo, mas não somos parentes não...hahahaha.

      Abraços!!

      Excluir
  15. Olá... Estão dizendo que a NR de São Paulo está enrolada. Vc sabe se alguém recebeu recentemente. Abs, Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo Henrique tudo bem? Não tenho informações sobre como está a NR de SP, pois não conheço ninguém fazendo o processo no momento, sei que em julho a minha demorou apenas 20 dias pra chegar.

      Abraços,

      Alice

      Excluir
  16. Ola pessoal, fiquei muito feliz de achar todas essas informacoes no site. Gostaria de saber se alguem poderia me indicar um agente , de preferencia no norte da italia? Estava pensando na possibilidade de pedir a um amigo me hospedar e tentar fazer conta propria? Tenho medo mas o valor de quase 4 mil que andam pedindo por ai esta demais. Ja tenho toda a documentacao pronta e a viagem esta marcada para bergamo no fim de janeiro. Por favor, se alguem puder me ajudar, eu agradeco muito. Atenciosamente maria_prince21@hotmail.com Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria, tudo bem? Que bom que achou as informações úteis. Eu não indico agentes, pois como não fiz com um e não conheço ninguém que fez não poderia te dizer com segurança se a pessoa é honesta ou não. Para você decidir acho que deveria ver os seguintes pontos:

      1. Quanto tempo posso ficar na Itália?
      2. Se eu não posso ficar na Itália por muito tempo, conheço alguém para fazer uma procuração para ir buscar os documentos por mim?
      3. Tenho onde ficar na Itália pra conseguir a residência?
      4. Eu falo italiano ou conheço alguém na Itália que fale?
      5. O Comune em que quero fazer entende de cidadania? Entre em contato com o Comune e faça perguntas com relação ao processo, prazos e exigências, pois cada Comune pode ter algumas variações.

      Perguntas respondidas, é só tomar sua decisão!

      Espero ter ajudado.

      Abraços,

      Alice Sabatino

      Excluir
  17. Olá Alice, hoje nasci Italiano. Demorou, enrolou a NR, foi para o e-mail errado, muita insistencia no Consulado, Festas de Final de Ano, Férias, etc... Mas finalmente neste dia 22.02.2013, estou com a Certidão Italiana em Mãos... A SAGA do meu primo ainda continua, quase 90 dias aguardando a NR de SP, o Consulado diz que mandou, Comune diz que não recebeu, enfim, sofrendo desde 2008, inciado o processo oficialmente em fev/2012, refez tudo, mas ainda não é Italiano... Acabei tendo mais sorte, fui bem Assessorado, enrolou mesmo por conta do Consulado, Final de ano, Férias, Eleições na Itália, um mix de tudo, mas finalmente terminou meu Processo... Agora fazer meu AIRE pra SP e meu Passaporte... Estou muito Feliz hoje... Meu depoimento aqui foi em 06.11.2012, vc respondeu sempre com muita atenção e dedicação, muito obrigado... Paulo Henrique, agora Italo-Brasileiro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por favor tens como me passar o contato de seu consultor preciso faser minha cidadania com urgencia
      se puder me responda no email= contato@ciclesvieira.com.br

      Excluir
    2. Olá, Paulo Henrique. Como vai? Parabéns por essa grande conquista! Estou começando agora e já reuni todas as certidões. Procuro uma comune que não me mantenha muito tempo fora do Brasil e um consultor. Caso possa me ajudar, meu email é info@edbr.com.br, Um grande abraço. Felicidades

      Excluir
    3. Olá Paulo! Tudo bem?
      Muito interessante a sua história. Estou procurando algum assessor e me interessei pela qual você fez o seu processo. Mesmo porque também não conseguirei ficar mais do que 30 dias na Itália devido ao meu trabalho.
      Por favor, você pode me passar o contato dessa sua assessora?
      Meu email é thranduil_as@hotmail.com

      Obrigado e parabéns pela conquista.
      Abraços,
      José Antonio

      Excluir
    4. Boa noite Paulo, parabéns pela sua conquista! Fiquei bastante animada com seu relato! Tenho viagem marcada para Itália no final do ano e pretendo fazer o processo lá. Ainda não consegui definir com quem fazer, seria possível me passar o contato de quem fez o seu processo? Meu e-mail é ritabuhr@terra.com.br
      Obrigada! Abraço, Rita de Cássia

      Excluir
  18. Parabéns Paulo!! Tudo de melhor pra vc!! Utilize sua cidadania com responsabilidade, rsrsrs. Vi que seu processo começou dia 30/10 e acabou ontem 22/02, quase 4 meses de processo, penso que é a média né. Sempre tem alguma coisa que atrapalha, no nosso caso foi que a funcionária tirou um mês de férias e tbm tivemos eleições, mas no nosso caso para Sindaco.
    Obrigada você por participar do blog e nos contar sua experiência, compartilhar é muito importante!

    Abraços e boa sorte!!

    ResponderExcluir
  19. Olá Alice.

    Escrevo para agradecer pelo pensamento positivo. Gostaria também de dizer que o caso do meu Primo, que começou a saga em 2008 em Verona, finalmente na semana passada saiu o Reconhecimento da Cidadania dele. Agora é um Italo-Brasileiro... Abraços...

    Paulo Henrique.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, parabéns para o seu primo, deve ter sido um alívio!!

      Abraços!!

      Excluir
    2. Ola Paulo,

      Poderia me passar o contato da sua assessora???
      Penso em ir no final de novembro...


      tatissouza@gmail.com

      Excluir
  20. Olá Alice,
    Por favor, estou com um simples problema, os padres das "comuni" de Romano di Lombardia(BG) e Cortenuova(BG, estão dificultando o máximo a liberação das certidões de nascimento, casamento e óbito de meus antepassados, conhece alguém que possa agilizar isso para minha coleta de documentos lá na Itália?
    Aguardo
    Grato
    Paulo-013

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, estão dificultando como? o que vc precisa exatamente? Vc tem certeza que as certidões são desses comuni?
      Abraços

      Excluir
  21. Olá Alice,
    Dificultando em receber os meus e-mails e cartas há 13 meses e não retorna nenhum tipo de notícia, busco as certidões de nascimento de meus antepassados Giovanni Seghezzi e Mª Francesca Locatelli em Romano di Lombardia(BG), a certidão de óbito de meu antepassado Angelo Seghezzi em Romano di Lombardia, e a certidão de casamento de meu antepassado Angelo Seghezzi em Cortenuova(BG).
    Tem alguma sugestão, por favor de onde voce fala...
    Grato
    Paulo-013

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulo, eu estou em Lucca de final de semana e em Parma durante a semana. Você tem os telefones de contato?? Eu posso ligar e tentar ir buscar pra vc! Parma é perto, cerca de 124Km, eu iria de trem. Mas eu preciso ligar antes pra saber se eles estão disponíveis de sábado. Talvez vc tenha que me enviar, scanneada mesmo uma procuração em italiano, aqui eles chamam de delega.
      Me mande3 detalhes por e-mail!!

      Abraços!!

      Excluir
  22. Olá Alice,
    meu fone é celular 55 021 17 97170323.
    Me passe seu e-mail para podermos conversar melhor ou face(apesar que o face é complicado).
    Para podermos ver seu valor também.
    Possuo todos os documentos para um bom esclarecimento e para uma busca com segurança.
    Abraços
    Paulo-013

    ResponderExcluir
  23. Ola Paulo. Meu e-mail é alice.sabatino86@gmail.com

    No aguardo do seu contato.

    Abraços

    ResponderExcluir
  24. Olá Alice,
    Farei o contato o mais rápido possível.
    Paulo-013

    ResponderExcluir
  25. Alice: sou descendente de italianos e um eterno apaixonado pela Itália. No entanto, tenho lido muito e ouvido falar que a situação aí não é das melhores. Há quem diga que vocês têm enfrentado uma crise financeira, acompanhada de desemprego, baixos salários, prevalência de empregos informais e falta de segurança com aumento da criminalidade. Mas, como brasileiro adora falar o que não sabe, acho que você é mais indicada para falar sobre estes assuntos. Sou formado em contabilidade, mas aceitaria trabalhar em qualquer área, desde que o fosse registrado, salario razoável e trabalho digno, além de ser um lugar seguro para se viver. Por isso, eu gostaria que você falasse um pouco sobre o custo de vida aí na Itália, condições de emprego e segurança.

    Obrigado e parabéns por sua pagina.
    Luiz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiz, a situação realmente não está bela. Não é fácil encontrar trabalho e a maioria das pessoas que estão trabalhando agora no verão estarão sem trabalho quando a estação acabar. Pra trabalhar em contabilidade teria que reconhecer a profissão e estudar a legislação daqui. Aqui existe trabalho a chiamata (a chamada), por tempo determinado (com data pra acabar) e com tempo indeterminado, porém, como o patrão não pode demitir o funcionário no trabalho indeterminado é dificilíssimo arrumar um trabalho como esse, principalamente agora. Aqui não existe registrar, é contrato e pronto, o problema é que em alguns ramos, como restaurante, bar etc os contratos são feitos com valores baixíssimos e eles pagam a mais em nero pra fugirem dos impostos.
      O custo de vida, na minha opinião: muito caro pra morar (aluguel, luz, gás, taxa de lixo etc), custo baixo para comer. Transporte, se vc tiver uma bicicleta economiza um saco.

      Seguro é sim, a não ser que vc vá morar em Milão e Roma por exemplo, que são cidades grandes e tem um pouco mais de violência. Mas nunca como no Brasil, vc nunca será assaltado com arma de fogo aqui...

      Abraços

      Excluir
    2. Oi, Alice: agradeço por seu retorno. Na verdade quero viver mais no sul da Itália, por ser uma região mais quente. Penso, inclusive, em ficar na Sardenha. Você sabe me dizer se a situação lá também não está boa? Sei que os salários são mais baixos no Sul, mas não me importo com isso, só quero conseguir um emprego que dê para meu sustento, e quero criar meu filho em um lugar melhor.

      Muito obrigado e abraços

      Excluir
    3. Olá Luiz, não conheço a situação no sul, mas além dos salários serem mais baixos, muito provavelmente a situação de oferta de empregos não estará das melhores, porque no sul sempre teve mais desemprego do que no norte. Mas acho melhor vc pesquisar mais na internet, porque eu realmente não sei nada sobre o a situação atual do sul da Itália. Já com relação a Sardenha, a única coisa que eu sei é que o custo de vida lá é bem caro, pois é point VIP de férias de verão e os ricos da Itália costumam ter casa lá. Uma família que eu conheço falou que esta época do ano o supermercado é caríssimo!!!!
      Mudar de país é recomeçar do zero, por mais que uma pessoa se planeje nunca sairá 100% como planejado, é importante que vc tenha uma reserva para garantir o seu sustento e de sua família enquanto passam pelo período de adaptação!!

      Pesquisem bem sobre o lugar onde querem ir e boa sorte!!!

      Abraços!!

      Excluir
  26. Ola Alice,
    Tu escreves muito bem, parabéns.
    Meu sobrinhos já são reconhecidos cidadãos na comune de Opera, perto de Milano. Todos os documentos ja estão na Itália, porque eh o mesmo antenato masculino de 3 gerações. Eh possível aproveitar a documentação deles ? O ultimo que foi reconhecido faz 5 anos.
    Meu plano eh aterrissar lá e somente esperar a non renuncia do RS.
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Telmog, obrigada. Isso vai depender do comune, você precisa entrar em contato com o comune di Opera e perguntar pra eles. Aqui em Lucca já me disseram que minha irmã só precisa trazer a própria certidão em inteiro teor legalizada que eles usam os mesmos documentos do meu processo, mas essa é uma decisão do comune, não tem lei nenhuma sobre isso.

      Abraços!!

      Excluir
  27. Olá Alice.
    Parabéns pelo blog,sua ajuda é muito importante pra quem tá começando o processo.
    Gostaria de saber se tenho direito a cidadania: Meu trisavô é italiano, a minha bisa também, ela veio para o Brasil casou-se com um brasileiro,teve o meu avô em 1932 e minha mãe respectivamente filha dele nasceu em 1957. dito isso tenho direito a cidadania ou não?
    Muito obrigado.
    Abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que estranho, eu tinha respondido essa pergunta. Mas de qualquer forma já te respondi por email.

      Abraços

      Excluir
  28. Oi Alice! Tudo bem? Parabéns pelo Blog.
    Vc poderia me ajudar com uma duvida? Estamos buscando algumas certidoes na Italia e me disseram q existe um mdelo de carta para fazer essa solicitação na comune. Vc sabe onde eu encontro essa carta? Grata Maitê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maitê, obrigada. Tinha um link em um dos primeiros posts. Mas de qualquer forma tá aqui: http://www.imigrantesitalianos.com.br/modelos_de_cartas.html

      Abraços

      Excluir
  29. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  30. Olá Alice
    Quero obter a minha na Itália, so posso fìcar la 2 meses e depois voltar para Itália para tirar os documentos. Daria certo assim ?! Posso ficar na casa de um primo e deixar uma procuração co ele Caso seja necessário?

    ResponderExcluir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dirce, poder vc pode, mas não é aconselhável uma vez que residência consiste na sua dimora habitual e não transitória. O recomendado seria vc ficar durante todo o processo. Saiba que se o Comune quisesse falar com vc pessoalmente durante o processo vc teria que estar disponível. Mas te digo que todos os consultores fazem assim. Para reduzir os riscos eu te aconselharia a ficar até a entrega dos documentos no Comune (acho que 2 meses dá), deixar uma procuração com seu primo mas não falar no Comune que vc vai embora e retornar na Itália pra retirar a documentação pronta pessoalmente. Acredito que não existirão problemas. Mas saiba que se o Comune desconfiar que vc não mora alí de verdade eles vão investigar e se descobrirem eles podem cancelar o seu processo e te processar por declaração falsa de residência. Mas fique tranquila, não quero te assustar, todo mundo faz assim, te falei só qual é a lei da residência pra vc tomar decisões com conhecimento de causa.

      Abraços e boa sorte

      Excluir
    2. Obrigada pelas informacoes.
      Estou estudo a possibilidade de um assessor, pois acho que será melhor do que eu fazer sozinha. Você sabe me informar se a Polentona é de confiança, conhece alguem q ja fez com eles?

      Excluir
    3. Olá Dirce, com relação a consultores eu não sei te informar nada, porque não conheço nenhum pessoalmente. Muitas pessoas falam bem da Polentona, mas eu não conheço. Pra saber sobre consultores te aconselho entrar no gruppo do Faceboo: "Cidadania Italiana Área Livre", alí eles trocam muitas informações sobre cidadania italiana e sobre consultores.

      Abraços

      Excluir
  31. Olá Alice, eu estou indo pra Itália e ficarei por 3 meses para fazer um curso de italiano em Firenze...mas ouvi falar que seria melhor tentar tirar a cidadania na cidade do meu bisavó que é Motta di Livenza (perto de Veneza)..mas me disseram que posso ficar por uma semana em Motta di Livenza, esperar o vigile e dar entrada no processo e depois voltar pra Firenze fazer meu curso...e que em 3 meses já sai até o passaporte...acha confiável essa informação? pois gostaria de tirar nesse tempo que estarei aí para quem sabe ficar, se conseguir emprego...
    mas o que estou pensando é, como alugar algo por uma semana? sei que hotel não posso ficar...você acha isso possível?
    tenho o contato de um consultor, mas ele cobra 3.500 euros e acho que fazendo sozinha, sairia mais barato...mas tenho medo do barato sair caro...entende?
    meus tios e dois primos já tiraram a cidadania com um consultor, e teria que pegar a cópia dos documentos em outra cidade...o consultor faria isso pra mim...agora sozinha não sei como faria...vc tem ideia?
    o que me aconselha? pagar o consultor ou tentar fazer sozinha e arriscar com toda essa situação?
    Obrigada!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo, essa informação que te deram é falsa e muito arriscada. Primeiro porque fazendo sozinha ninguém vai te alugar alguma coisa por uma semana e te dar a residência, a não ser que vc conheça alguém na cidade que pode te hospedar os contratos de aluguel que permitem residência são de pelo menos 1 ano. Um amigo fez um contrato de 1 ano, mas já tinha acordo com a proprietária que ficaria 3 meses apenas. Então vc teria que procurar. Eu te aconselharia ficar em uma cidade pequena perto de Firenze e fazer a sua cidadania ali durante seu curso, não tem nada a ver esse papo que fazer no comune do antenato é melhor. Pode ser que não fique pronto em 3 meses e daí vc faz o permesso di soggiorno, ou vai embora e volta quando ficar pronto. O correto é ficar durante todo o processo na Itália, mas conheço mais de uma pessoa que foi embora e depois voltou pra fazer os documentos. De qualquer forma com consultor é diferente, pq ele tem a casa pra vc ficar somente 1 semana. Se vc tem 3500 euros, não pode ficar na Itália durante todo o processo e não tá afim de se preocupar, paga o consultor. Mas é vc quem vai saber o que é melhor pra vc.

      Abraços

      Excluir
    2. Olá Antônio, meu nome é Lucas e eu estou na mesma que vc. Meu antenato é de Motta tbm, poderia entrar em contato comigo?
      lucasagostinis94@gmail.com.

      Até logo.

      Excluir
  32. Oi Alice! Parabéns pelo site!
    Também estou querendo fazer o processo sozinha. Vou estudar italiano e já tenho toda documentação (mas não traduzi nem validei ainda). Tenho três duvidas, se puder me ajudar.
    Na lista de documentos o consulado solicita Estratto dell’atto di nascita, mas eu tenho o Certificato de nascita do meu biso, é a mesma coisa?
    Na Italia, para a declaração de residência, vale se eu estiver morando em uma fazenda, trabalhando com trabalho voluntário?
    Você pode indicar alguns comunes que são mais rápidos e menos burocráticos?
    Desde já obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Vi em um site que o certificado traz dados minimos sobre o nascimento e não tem as informações dos genitores nem anotações. É importante que o documento que vc tem em mão possua o nome completo da pessoa, data de nascimento, local de nascimento e o nome completo dos pais. O estratto di anscita é igual a nossa certidão simples, porque traz todos esses dados e eventuais anotações como casamento e morte.

      Com relação a morar em uma fazenda depende, vc precisa se informar se onde vc vai morar tem a abitabilità, ou seja, se é destinada a uso habitativo, se sim, não vejo porque não poderia. Mas antes vc precisa conversar com as pessoas que vão te hospedar, porque no final são eles que vão dizer se aceitam a sua residência. Somente contratos 4+4 de aluguel permetem a residência automaticamente.

      Eu não conheço os comuni, fiz em Lucca e levou 5 meses, conheço duas pessoas que fizeram em Parma e levou pouco menos de 3 meses.

      Boa sorte.

      Alice

      Excluir
  33. Olá Alice, como vai? Parabéns pelo seu blog, é de muita valia para quem procura por informações, obrigada por compartilhar conosco!
    Eu preciso de uma ajuda, não sei se pode me ajudar mas vamos lá, fiquei por anos (10 no total!) procurando pelo local de nascimento dos meus trisavós, por parte do meu avô, até que esse ano consegui encontrar. Infelizmente, como eles andaram muito aqui no Brasil não encontrei a certidão de nascimento do meu bisavô. Enfim, desisti por um momento e conversando com minha mãe, começamos a procurar pelos documentos do meu outro nono, por parte da minha avó, e achei! Nem pude acreditar! Agora estou reunindo os documentos, e como meu trisavô nasceu em 1868, estou pesquisando nas paroquias, mas nem todas tem e-mail, e essa é a minha dificuldade. Como eu solicito essas certidões, por carta? Poderia me ajudar de alguma forma? O comune é Bognoregio, Viterbo. Muito obrigada desde já. Carina

    ResponderExcluir
  34. Olá Alice, tudo bem? Tenho algumas duvidas sobre os valores sem assessoria.
    Eu já tenho cidadania italiana, meu marido vai para a Itália em março para tirar a dele atraves da família dele. Meu cunhado tirou a cidadania dele em Pieve Fosciana, nos informamos sobre utilizar os mesmos documentos dele e nos falaram que não haveria problema, então meu marido fez a tradução legalizou apenas a certidão de nascimento dele.
    Tenho uma parente que mora em Viareggio, também fica na província de Lucca, e ela conversou com uma amiga que vai nos alugar uma quitinete com um valor bem em conta, com as contas inclusas, o que vai ser uma excelente economia.
    Apenas não sabemos quais sao os valores atuais para tirar a cidadania (passaporte, carteira, permesso)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thayana,

      Passaporte em torno de 130 euros (aproximado)
      CI: 5 euros + 5 euros pela foto
      Permesso: 30,00 do envelope (que corresponde ao pedido em si do permesso) + 16,00 da marca da bollo + 107,50 do bollettino (taxa do governo para a emissão do cartão magnetico acrescido do tal contributo) + 1,30 (valor pago pela operação de pagamento do boleto no correio) = € 154,80

      Att,

      Alice

      Excluir
  35. Olá Alice Sabatino, primeiramente parabéns pelo Blog com muita informação valiosa.Saberia me informar se posso fazer a cidadania em qualquer Comuni na Itália no meu caso seria Abruzzo Provincia de Chieti na Comuni de Montazzoli.Já enviei um e-mail para a Comuni de Montazzoli mas faz 30 dias e não houve retorno. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marco.

      Pode fazer em qualquer comune, não precisa ser no comune de nascimento do antenato.

      Ciao

      Excluir
  36. Boa Noite, Alice, por favor, você teria o e-mail do Paulo Henrique, gostaria do contato do agente que o auxiliou no Itália. Parabéns pelo Blog, as informações são muito importantes. Meu e-mail é carlacbonato@gmail.com. Tenho uma dúvida, meu bisavô nasceu em Goito Provincia de Mantova - Lombardia, preciso solicitar a certidão de nascimento do meu bisavô, você sabe se eles enviam se eu solicitar por e-mail? Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, nao tenho o email dele não.

      Com relaçao ao comune, só escrevendo pra eles pra saber, cada comune tem uma regra.

      Att

      Excluir
  37. Olá Alice, tudo bem?
    Me chamo Camila e acompanho seu blog!! Ele tem me ajudado muito, parabéns!!
    Gostaria de tirar a minha cidadania italiana. Já tenho as certidões, porém meu caso é bem específico. Meu bisavô veio de uma região de fronteira (Gorizia). Sei que ele chegou ao Brasil em 1922, e tenho isto comprovado pela Certidão de Desembarque no Porto de Santos. Desta forma, pelo que eu li, tenho direito a requerer a cidadania italiana pela lei geral 91/92. Você conhece algum caso assim? Por favor, você sabe se é necessário algum documento adicional, além da certidão de desembarque?
    Estou em dúvida também sobre fazer o processo sozinha. Possuo disponibilidade de tempo, entretanto, falo pouco italiano e, como o meu caso parece ser bem complicado, estou bastante insegura.
    Seria aconselhável que eu enviasse as certidões traduzidas em italiano para a Comune conferir? Isso é um procedimento comum?
    Um beijo e muito obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Não sei o que ter vindo de uma região de fronteira possa mudar... não fazia parte da Itália na época? É no trentino?

      Vc pode ser mais específica por favor? Mas sim, pode mandar as certidões pro Comune de interesse, alguns te respondem sim

      Boa sorte.

      Alice

      Excluir
  38. Olá Alice, estou iniciando o processo para retirar a cidadania, gostaria do contato do agente que o auxiliou no Itália. Poderia enviar em meu email: josueflucca@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  39. Boa noite Alice. Parabéns pelo blog!
    Estou dando entrada na cidadania. Por experiência própria vc sabe dizer quais comunes e regiões melhores e piores para o processo? Meu email é makola@hotmail.com
    Abraço e td de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Não tenho muita experiência com os comuni, mas quando estava pesquisando para vir li que os melhores estão na região central, que o norte não era muito bom porque eram mais preconceituosos, eu não sei se isso é verdade. Posso te dizer que em Lucca (experiência própria) e em Parma (conhecidos) não vi problemas.

      Excluir
  40. Boa noite Alice. Parabéns pelo blog!
    Estou dando entrada na cidadania. Por experiência própria vc sabe dizer quais comunes e regiões melhores e piores para o processo? Meu email é makola@hotmail.com
    Abraço e td de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.

      Não tenho muita experiência com os comuni, mas quando estava pesquisando para vir li que os melhores estão na região central, que o norte não era muito bom porque eram mais preconceituosos, eu não sei se isso é verdade. Posso te dizer que em Lucca (experiência própria) e em Parma (conhecidos) não vi problemas.

      Excluir
  41. Oi posso ir para italia e fazer do 0 a cidadania la deixando uma procura com um advogado no brasil ? Como turista temho 3 meses nesse tempo fica pronto ! Algumas certidoes ja tenho ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marius,

      Não, vc só pode vir pra Itália quando tiver todos os documentos prontos pois não vai conseguir resolver tudo no Brasil em 3 meses e não conseguiria fazer o permesso di soggiorno.

      Ciao

      Excluir
  42. olá Alice...tudo bem??

    Li sua trajetória de como conseguiu sua cidadania sozinha e estou vendo a possibilidade de fazer o mesmo...ainda estou no começo...tem o tio do meu marido que deu entrada no processo ou nos documentos e ainda não falei com ele...vou ver direitinho e agora com o seu blog me sinto mais segura para prosseguir...só que na verdade estou querendo ir para Portugal e aí dar seguimento ao processo na Itália.
    Mas vou ver primeiro quais docs já estão prontos e entro em contato com vc para pedir sua opinião...
    Desde já agradeço sua disposição e carinho em ajudar o próximo ...mesmo distante...bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mone,

      Se precisar é só chamar!

      Abraços

      Excluir
  43. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  44. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  45. Olá Alice Parabéns pelo blog!

    Minha irmã tirou a cidadania no ano 2006 na comune di Viareggio. Tu sabe se só presentando minha certidão de nascimento e recendendo na Itália poderia obtê-la. Já escreve faz 2 semanas na comune e não teve resposta. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Noella,

      Somente o COmune de Viareggio pra te responder. Pode ser que sim, mas na verdade, como faz 10 anos, acho difícil eles aceitarem.

      Boa sorte!

      Excluir
  46. Olá, tenho uma duvida, se alguém puder me ajudar!!
    Tenho 23 anos e gostaria de tirar a minha cidadania e passaporte, eu tenho pretensão de tirar no próximo ano, mas gostaria de saber... O processo direto na Itália é individual? eu queria que a minha mãe (dela vem o sobrenome italiano) e meus irmãos também tirassem.. se todos quiserem tirar, cada um terá que fazer o seu individual? Eu olhei algumas empresas que auxiliam e parece que eles cobram individual (pelo que entendi) porém também estou pesquisando fazer o procedimento por conta, eu gostaria que a minha família também tirasse. Alguém se habilita a tirar esta duvida?
    Desde já agradeço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adriana,

      O processo é individual. Pode ser que aceitem somente uma cópia dos documentos da linhagem se vcs fizerem todos juntos, mas somente quem vier que irá conseguir fazer o processo.

      Boa sorte

      Excluir
  47. Olá, mi chamo Lourdes,e gostaria de algumas informações por gentileza. Sou casada com um italiano há quase 8 anos e moramos no sul da Itália. Gostaria de obter informações sobre a cidadania italiana, quais são os documentos necessários, e em quanto tempo posso obtê-la? Desde já agradeço a gentileza e atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lourdes,

      No seu caso não sei, mas é melhor ir diretamente na Questura, o processo é diferente, não sei quais documentos são necessários, mas não é pelo Comune. Minha mãe antes de ficar viúva deu entrada no processo dela e foi na Questura.

      Boa sorte

      Excluir
  48. Vou me informar na questura, obrigada e bom dia pra você!

    ResponderExcluir
  49. Vou me informar na questura, obrigada e bom dia pra você!

    ResponderExcluir
  50. Olá Alice,
    Primeiramente parabéns pela conquista e pela coragem de fazerem tudo sozinhos.
    Estou em busca da minha cidadania italiana. No momento estou no aguardo da legalização dos meus documentos no consulado aqui no Brasil. Em meio a minhas pesquisas achei a postagem de vcs.
    Assim como vcs também gostaria de fazer sozinha, pois tenho medo de cair em golpes de acessória e também para baratear o custo.
    Agradeceria muito se pudessem me ajudar com algumas informações além das já postadas.
    Como por exemplo, como vcs conseguiram o local para alugar? Pelas minhas pesquisas vi que não são todos os locais que são aceitos.
    Por qual comune vcs conseguiram? Tem alguma ideia dos melhores para facilitar o processo?
    Desde já agradeço imensamente a ajuda.
    Por favor, se puderem entrar em contato comigo por e-mail é lucianatruffa@gmail.com.
    Atenciosamente,
    Luciana

    ResponderExcluir
  51. Parabéns por essa iniciativa Alice!
    Com certeza esse site nos ajuda bastante com a dupla cidadania. Eu comecei minha saga da dupla cidadania agora, e estou colhendo informações para que eu consiga reunir as documentações necessárias! por enquanto estou solicitando as certidões de nascimento, óbito e casamento dos envolvidos.... mas a grande dificuldade é que meu Trisavô italiano veio novo para o brasil e se casou com minha trisavó também italiana por aqui, porém não consigo obter data nem comune dos possíveis locais de nascimento deles, principalmente do trisavô!
    A região de maior incidência do Sobrenome Favaro é na região de veneto, será que devo me ater a esse local?

    Att.

    Alex Q. Braga

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alex, desculpe a demora.

      Você procurou a certidão de desembarque da família dele? Quando tiver todas as certidões brasileiras provavelmente vai ter mais informações, como idade possível e talvez a provincia ou comune. E as histórias que seus familiares mais velhos contam? Ninguém têm idéia de onde eles vieram?

      Excluir
  52. Parabéns por essa iniciativa Alice!
    Com certeza esse site nos ajuda bastante com a dupla cidadania. Eu comecei minha saga da dupla cidadania agora, e estou colhendo informações para que eu consiga reunir as documentações necessárias! por enquanto estou solicitando as certidões de nascimento, óbito e casamento dos envolvidos.... mas a grande dificuldade é que meu Trisavô italiano veio novo para o brasil e se casou com minha trisavó também italiana por aqui, porém não consigo obter data nem comune dos possíveis locais de nascimento deles, principalmente do trisavô!
    A região de maior incidência do Sobrenome Favaro é na região de veneto, será que devo me ater a esse local?

    Att.

    Alex Q. Braga

    ResponderExcluir
  53. Alice, fiquei verdadeiramente ADMIRADA por sua trajetória até aqui: partilhando de todo o seu conhecimento e experiência com as muitas pessoas que buscam em ti um alento. Parabéns!
    Tenho algumas dúvidas e peço desculpas se vc já respondeu acima e eu não li:
    1- Nas certidões de meu bisavô, avô e mãe, há algumas pequeninas incorreções no sobrenome (troca de uma letra por outra). Há necessidade de correção em quais casos?
    2- Para permanecer por mais de 90 dias, é necessária alguma autorização específica? Como obtê-la?
    3- O fato de não falar o idioma poderá comprometer todo o processo quanto o agente da comune (fiscal) passar?
    Pretendo ficar na casa de uma pessoa que se mudou para a Itália, porém seria uma hóspede apenas. Nesse caso, não teria como comprovar uma residência permanente... curiosidade: eles entrariam na casa da pessoa para vistoriar?
    Agradeço-lhe a atenção.
    Atenciosamente.
    Iza Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Iza,

      Obrigada.
      1. Depende muito do comune. Com certeza não pode ter erro de data. Sobrenome depende. Nome não é um problema no caso de João - Giovanni, José - Giuseppe, Pedro - Pietro etc.;
      2. Permesso di soggiorno. Dá uma olhada no post que tem aqui no blog.
      3. Não, mas vai ser difícil se comunicar, os italianos não são bons com o inglês, muitos não falam.
      4. A residência é obrigatória e o processo é feito no comune, com autorização do proprietário da casa no caso de contratos curtos ou ausência de contratos. Sim, eles entram na casa.
      5. Sim, todas as certidões em inteiro teor.

      Att,

      Alice

      Excluir
  54. P.S. Desculpe-me, esqueci de uma pergunta:
    4- Todas as certidões devem ser de inteiro teor?
    Iza Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitíssimo obrigada! Deus os abençoe.
      Iza.

      Excluir
    2. Sim , todas as certidões devem ser em inteiro teor,

      Excluir
  55. Oi Alice. Parabéns pelo site e disposição em ajudar as pessoas. Lembre-se tu és responsável pelo que cativas. Ou seja, Deus recompensará por tudo que fez pelos desconhecidos. Show...

    ResponderExcluir
  56. Olá Alice, esses consultores conseguem achar as certidões tendo somente o nome do italiano, ano de nascimento e nome dos pais? Nos documentos de meu bisavô só consta que ele veio da Itália. Obrigado pela ajuda
    Att. Claudia Bernadone

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei como eles fazem, nunca usei, mas acho que sim. Fazem pesquisas de sobrenomes.

      Excluir
  57. Boa tarde Alice, muito bom o seu blog. parabens antes de qualquer coisa.
    Possivel tirar uma duvida.
    Estou com quase todos os documentos . falta eu fazer o processo de traduzir aqui no brasil e levar ate a italia,
    o documento do me tataravo que morava em mozzecane tenho so uma copia que me foi enviada por email, por uma conhecida que mora na italia.
    como consigo a original? esta minha amiga consegue pegar para mim ?
    Outra duvida.
    Estou vendo de fazer tudo sozinha e nao precisar de agente.
    Tem qe ser na cidade especifica que meu tataravo nasceu ou nao?
    quero ir para ficar, nao quero mais voltar para o brasil, por isso nao tenho problemas de esperar.
    o que voce me aconselha?
    qual o processo que tenho que fazer a partir do momento que tenho um local para ficar na italia , chego na italia , qual o processo depois ?
    se puder me responder por email ou por aqui, olho tambem
    alinepsouza2013@gmail.com

    obrigada

    ResponderExcluir
  58. Claudia Mello, respondendo a tua pergunta baseada no serviço que faço eu. Com o nome do antenato, data de nascimento dele e mais o nome dos pais eu, na maioria dos casos tenho conseguido achar. Aqui no veneto onde moro. Nao prometo Porèm. Se voce ainda nao encontrou e gostaria que eu tentasse, pode me escrever em privado que combinamos. brasit3@gmail.com

    ResponderExcluir
  59. oi, estou fazendo a trdução juramentada dos documentos, e irei só. tens uma dica de Comune, para realizar o processo. grato
    vou para pegara a cidadania e ir depois tentar a vida na Irlanda, Inglaterra...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniel,

      Eu fiz em Lucca, gostei. Em Parma conheço pessoas que fizeram, foi bem rápido (menos de 3 meses).

      Att,

      Alice

      Excluir
  60. Parabéns pelas dicas. Viajo para a Italia em outubro 17 para pleitear cidadania diretamente com todos os documentos em ordem. Filhos e tios ja são cidadãos portanto não tive dificuldades em obter certidões, traduções e apostilamentos. Mas gostaria de ter alguma ajuda para locação etc. Então se possivel enviar o email ou contato da consultora do Mauricio ou outra recomendação de confiança? marcofalabella@gmail.com agradeço.

    ResponderExcluir
  61. Olá Alice
    Tudo bem?

    Muito bacana o seu blog, estou gostando e pegando bastante dicas.
    Por um acaso você ainda teria o contato da pessoa que alocou o quarto para você? Eu agradeceria muito :)
    E seria legal, já fechar a locação com alguém que já sabemos ser de confiança pela sua experiência.
    Caso não puder passar, super entendo também, às vezes o proprietário não goste né, mas enfim, podendo ajudar segue meu e-mail abaixo
    kaique.bonini@usp.br

    Mais uma vez parabéns pelo blog e obrigado desde já, pois o blog está ajudando bastante :)

    ResponderExcluir